Fotografar é posicionar-se

A maga das lentes @zuleikas me disse uma vez que, hoje em dia, todo mundo é fotógrafo: dentista e fotógrafo, jornalista e fotógrafo, estudante e fotógrafo. Seja para retratar-se ou colocar seu ponto de vista sobre o mundo, hoje todos nós passamos pela imagem.

Brasília oferece terreno fértil para a arte, com suas paisagens inspiradoras e excelentes cursos técnicos para quem quer fazer mais do que apenas apertar um botão. Começando pelo excelente espaço f/508 – que merecerá um post só pra ele – e passando por profissionais gabaritados que dão aulas particulares, o que não faltam são portas de entrada para entender sobre obturadores, lentes, tempo de exposição e outros mistérios que Daguerre colocou nas nossas vidas.

Só que todo mundo que já tentou fotografar um momento de intensa emoção ou captar a sutileza de um olhar ou de um movimento sabe muito bem que toda técnica do mundo fica pouca nesta hora. A fotografia é resultado de quem somos, do que vivemos, de como vemos o mundo. A minha foto não poderá nunca ser igual à sua porque nossos olhares são diferentes.

Eu queria ter falado direto de Rose, Jana e Ana, estas três lindas aí de cima – mas é impossível apresentar a Varanda sem falar da profundidade da proposta delas. Elas querem te fazer pensar sobre a imagem. Querem que você vá além do simples clique, muito além do curti/não curti quando se trata de analisar uma foto, um filme, uma representação gráfica.

Pra isso, elas reúnem as maiores autoridades do Brasil em termos de imagem para realizar, aqui em Brasília e onde quer que seja, workshops e ciclos de palestras que vão te fazer pensar e produzir de maneira diferente. Os cursos são voltados principalmente pra quem lida com a imagem: designers, arquitetos, cineastas, diretores de arte e, claro, fotógrafos. Ou seja, todos nós.

Bora?
Hoje começa o ciclo de palestras Fotografia e Pensamento na Livraria Cultura do Casa Park. De hoje à quinta, às 19h30. Entrada franca.

Nos dias 18 e 15 de setembro e 2 de outubro acontece um workshop sobre tempo e fotografia com a Cláudia Linhares Sanz, um dos grandes nomes por trás do Icônica. Confiram o lançamento no site da Varanda ainda esta semana.

E mais: cartãozinho-presente e um lindo programa de descontos e parcelamento para quem quer fazer a cabeça pensar mas tem um bolso que ainda não acompanha o ritmo.

Vale acompanhar sempre o site, que reúne reflexões aguçadas e um guia de tudo o de bacana que é realizado pelos pensadores da imagem.

2 respostas em “Fotografar é posicionar-se

  1. Pingback: A cidade manda um recado: viaje! | quadrado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s