Fui comprar um queijo e surtei

Tem coisas que só uma amiga chef de cozinha faz por você. Ela me chamou pra esse programa: conhecer uma loja na Ceasa, no sábado de manhã. Hein? Ceasa? Sábado? MANHÃ? Essa amiga às vezes tem uma esperança acima do razoável em mim, mas desta vez deu certo, eu empolguei. E logo que entrei na tal da loja, chamada Casa de Doces e Queijos, senti que tinha acontecido, de novo: eu estava em surto psicótico.

Os olhos ficam meio arregalados, dispersos, você fica paralisada, não ouve mais o que a sua amiga tá falando e responde “aham” várias vezes, só pra constar. Foi nesse estado de transe que eu entrei na loja que reúne todas, todas as coisas gostosas que a gente pode usar na cozinha – dos ingredientes e temperos mais simples aos mais sofisticados, raros e gringos. Com a diferença maravilhosa de ser bem mais barato do que em qualquer supermercado ou empório da cidade.

Comecei a sentir os sintomas na seção de nozes, pistaches, figos, macadâmias e todo o resto que você pode imaginar. Tudo a granel e self-service. O descontrole aumentou na parte de queijos – são trocentos tipos, do mais fino feito com leite de ovelha francesa ao nosso querido queijo coalho. Surto em nível máximo.

A minha amiga mandou e eu obedeci: levei uma burrata de búfula fresquíssima que comi rezando (to falando muito sério: prove isso, já!). A maravilha, lá, custa R$ 40,95 o quilo. Num empório da asa sul, achei por R$ 62.

Quando eu já tinha perdido o resto de noção, veio a seção de vinagres, sais e azeites – trufados, aromatizados, perfumados. Pensei: ou vou embora desse lugar agora, ou tá tudo acabado. Eu fui embora, mas já estava tudo acabado de qualquer jeito.

A loja é pequena e completamente lotada de coisas. Isso exige um pouco mais da sua paciência, principalmente se você tiver ido no sábado de manhã cedo, quando a Ceasa ferve. Se quiser evitar algumas cotoveladas e fila no caixa, vá durante a semana (no sábado, mais pra hora do almoço, também é mais tranquilo).

Ou se bater desejo de um queijo especial, de um azeite incrível, basta ligar e eles entregam na sua casa. Mas o melhor mesmo é ir lá e ver tudo de perto, provar um monte e surtar.

     

Bora?
Casa de Doces e Queijos
Ceasa, ao lado da Feira dos Importados
Segunda a sexta, de 7h às 18h.
Sábado, até as 14h. Domingo fecha.
(vai cedinho se quiser aproveitar e levar frutas orgânicas e flores mais baratas)
Tel. 3234-1008 e 3363-2930
Entrega em domicílio – compras a partir de R$ 60.

Feira do Guará
Box 505/506
Quarta a domingo, de 8h às 18h.
Tel. 3382-5018

13 respostas em “Fui comprar um queijo e surtei

  1. Incrivel os lugares que esse blog descreve e, os detalhes que passeia olores, cores , sabores e a Brasilia cosmopolita e de todos os brasileiros Adorei! E aoro o blog

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s