O maestro mais teimoso do mundo

maestro

Só fiz esse programa uma vez na vida, uma vergonha, então essa sugestão vai pra mim mesma: a Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional abriu a programação deste ano e toda terça, às 20 horas, tem concerto de graça na Sala Villa Lobos. Hoje, a regência é de João Carlos Martins – ele sozinho já vale a ida.

Martins foi tema de livro, de enredo de escola de samba, de documentário franco-alemão, e está tendo sua vida filmada pelo cineasta Bruno Barreto. É fácil explicar porque ele é o cara: considerado um dos melhores pianistas do mundo – no auge, conseguia dedilhar 20 notas por segundo (hein?) –, enfrentou uma série de problemas nas mãos e passou por cima deles como um trator. Sua vida parece filme mesmo.

Antes dos 30 anos, rompeu um nervo da mão direita em uma partida de futebol. Depois, veio uma doença degenerativa. Um tratamento intensivo fez com que ele recuperasse parte dos movimentos, e o pianista desenvolveu uma técnica para tocar só com a mão esquerda. Em 1995, veio um assalto na Bulgária e um golpe na cabeça tirou, novamente, o movimento de suas mãos.

Parar? Claro que não, né. O ex-pianista decidiu começar a estudar regência em 2003. Ele não consegue segurar a baqueta, nem virar a partitura, mas bobagem. Martins passou a memorizar cada nota e passagem. “Não é superação, é teimosia!”, costuma dizer.

Resumindo bem a história, é essa pessoa que vai reger a Orquestra Sinfônica hoje, com homenagem a Mozart.

Bora?
Concertos da Orquestra Sinfônica do Teatro Nacional
Toda terça, às 20h
Sala Villa Lobos
Entrada gratuita
Programação completa

3 respostas em “O maestro mais teimoso do mundo

      • Sim, claro, tem muitas pessoas que sabem e valorizam mesmo! Eu quis dizer que não é exatamente divulgado e não é a maioria que sabe e valoriza os eventos gratuitos e maravilhosos do Teatro Nacional 🙂 bom, alguns são divulgados até na tv, mas são poucos comparados ao número de eventos que realmente acontecem… enfim kkk todas as vezes que fui, estava lotado, mas mesmo assim não acho que é democraticamente com a massa. Sei lá, não sei se você me entendeu 😀

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s