A quermesse é chique, mas tem quentão

bandeirinhas

Amanhã é a abertura oficial da canjica, do salsichão e do forró em nome de São João. Já tiveram outras aí, mas festa junina em maio eu não sei como se chama, então vou tratar essa como a primeira festa junina do ano. E além disso, a mais diferente: a Boulangerie resolveu convidar restaurantes e bares da cidade pra fazer a 1ª Festa Junina Gourmet, no jardim atrás da padaria.

O trem vai ser chique mesmo, viu. Vai ter cachorro-quente tradicional e vegano, o churrasco vai ser argentino, o salsichão vai ser holandês e até a manteiga do milho cozido vai ser francesa.

Considerado por muita gente o melhor restaurante da cidade, o Aquavit vai ter sua banquinha, com um prato tradicional dinamarquês, que leva pão e salmão defumado, e velouté de batata trufada. O Loca como Tu Madre vai levar seu arroz com pato e a Baco, suas pizzas fininhas. Até o Realejo vai estar lá, com seus patês inacreditáveis.

Pra beber, o café delícia do Ernesto, os drinks e o quentão (sim, isso é festa junina!) do Nation’s Bar, os vinhos importados da Zahil e a cerveja do Simpson’s. E pra completar, algodão doce, pipoqueiro, cama elástica, pula-pula e pescaria.

A ideia de reunir lugares bacanas da cidade numa festa junina é excelente. É tão boa que o único risco é lotar demais, mas esperemos que a ideia se multiplique e que os empresários da cidade se reúnam mais. A gente teria quermesse pra dar e vender.

Bora?
1ª Festa Junina Gourmet
Sábado, dia 1º, a partir das 18h
No jardim atrás da Boulangerie, na 306 sul
Veja quem vai estar lá: aqui

5 respostas em “A quermesse é chique, mas tem quentão

  1. É, a ideia foi ótima, mas, infelizmente, a logística estava péssima! Espaço muito pequeno para o tanto de gente que tinha, circulação comprometida, um parquinho NO MEIO do espaço gerando riscos até, filas (ou apenas aglomerações de gente) e, pra completar, comidas que já tinham acabado após 1h20min de festa……. Enfim, esta foi a primeira edição. Tomara que façam outras, mas com melhor planejamento.

    • Excelente ideia, infelizmente mal executada. Só não posso concordar com tudinho do comentário acima porque não cheguei a constatar o fim de comida alguma. Cheguei com minha família e, com cinco minutos de tormento tentando nos locomover dentro daquele espaço, fomos embora jantar numa cantina…Quem sabe ano que vem, né? Tomara.

  2. Pingback: Um sábado de gula à beira do lago | quadrado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s