Conselho para quem quer fugir para as montanhas

esdras

Aquele momento em que você pensa que a única solução é fugir para as montanhas. Quer um conselho? Fuja.

Foi isso que fez uns tempos atrás o Esdras Nogueira, saxofonista do Móveis quando estava, segundo ele, vivendo aquele clichê de buscar o campo e ficar longe do corre dessa vida ultraconectada.

Ele foi pra Barriguda, a fazenda da família dele, pra se dar tempo pra fazer música, pra deixar a música nascer. O resultado é um disco lindo, com músicas autorais deliciosas, que conseguem transportar a gente pro cenário que inspirou tudo isso. Você ouve e sente aquela felicidadezinha de vento, sol frio de fim de tarde, de barulho das folhas nas árvores. E olha que eu estou escrevendo isso hoje, hein?, com a TV Senado ligada aqui na minha frente. Ah, o poder da música.

Então anota aí em algum lugar da sua mente: tem a hora da luta, tem a hora de estar no mundo, e tem a hora de estar com a gente mesmo – é daí que nascem as criações importantes, significativas, que mostram o melhor que a gente tem aqui dentro. Retiro criativo na fazenda da nossa infância (seja ela real ou imaginária) é estratégia de sobrevivência.

E pra ser invadido pela beleza que nasceu dessa experiência do Esdras, amanhã tem show de lançamento do CD Na Barriguda, no Clube do Choro. Oportunidade de ver esse moço mostrando um dos talentos dele, que é comandar esse sax incrível.

O segundo talento, que é comandar o Coma Lá Em Casa junto com a Mari, você vai aproveitar junto com a gente no sábado – tem comidinhas deles e um workshop em que eles vão ensinar a gente um menu inteiro pra gente se deliciar.

Bora?
Na Barriguda – Esdras Nogueira
Show de lançamento no Clube do Choro
Setor de Divulgação Cultural, Bloco G
Amanhã, 30/08, 21h

Música boa, fim de tarde, quintal

somset_quadrado

Cada vez que o Dudu Maia, talentoso bandolinista que capitaneia o Estúdio Casa do Som, conta dos house concerts das turnês que faz pelos Estados Unidos, eu vou fazendo um filme na cabeça: gente chegando curiosa pelo som do Brasil, aquele clima intimista de casa, os músicos se preparando, todo mundo em silêncio esperando o primeiro acorde – e, de repente, o som invade e transforma todas aquelas pessoas numa só, respirando e pulsando no mesmo ritmo.

E ficava me perguntando por que esse clima delicioso, com nossos músicos e nossa música, estava ali ao alcance dos gringos – e não ao nosso. Até que ele resolveu consertar isso. Ou concertar isso.

Domingo acontece no quintal do Dudu (que também é o quintal da minha mana Ju, da Lulu e da Bia) o delicioso house concert Somset – um concerto íntimo e com clima de casa, que vai conjugar por-de-sol, amigos e música instrumental da melhor qualidade.

Os convidados dessa primeira edição são o acordeonista Junior Ferreira, o som maneiro do Passo Largo e a banda AE Underground. Dá play em qualquer parte de qualquer um desses links aí pra sentir a energia que esse encontro promete.

Quer mais? Tem. As comidinhas serão garantidas pela turma do Coma Lá Em Casa, esses dois queridos e saborosos que vão curtir o som com a gente e garantir barriguinhas forradas.

Bônus track: as revoadas de passarinho que sobrevoam o quintal dessa galera todo fim de tarde.

Bora se sentir em casa com a gente?
Somset House Concert
Domingo, 28/8, 16h
Ingressos a R$ 30
Reservas e endereço: infosomset@gmail.com

O mundo vai acabar – e ela só quer dançar

quartadimensao

Amores da minha vida, serei curta e delicada: sou jornalista e trabalho no Congresso, então meu mundo está bem de pernas pro ar essa semana. Não está dando tempo de pensar em nada.

Mas minha irmã me o-bri-gou a escrever este post pra vocês porque as pessoas precisam saber da piscina, da margarina, da gasolina, porque esse mundo não é só feito de delações premiadas e ministros impensáveis. Esse mundo também é feito de iniciativas incríveis de gente que faz essa cidade pulsar – e é hoje à noite que isso acontece.

Quarta dimensão é um projeto incrível de uma pá de gente talentosa da cidade que está lotando o Dulcina numa vibração de renascimento e ocupação, com o trabalho de artistas, músicos, grafiteiros, com bandas de rock autorais dividindo espaço, mostrando a que veio, fazendo a galera dançar.

Entra aqui no face deles, assiste esse vídeo incrível e, por favor, vá. Vá e aproveite a sua vida – que é o que acontece de fato enquanto essa galera briga por poder.

Bora?
Quarta Dimensão
Hoje, 16/03, a partir das 20h
Teatro Dulcina, no Conic
SDS Bloco C, s/n